‘É fundamental ter um olhar diferenciado e curiosidade de aprender’, destaca CEO da Zoom Education na abertura do SAPS

    Estudantes, professores e colaboradores da Setrem prestigiaram a palestra ‘Carreiras do futuro e a geração Alpha’, ministrada pelo CEO da Zoom Education, Rafael Bonequini, na abertura do Salão de Pesquisa Setrem (SAPS), edição 2022.

    O evento foi realizado no ginásio da instituição na noite da última segunda-feira, 24 de outubro. O vice-diretor de Ensino Superior, Mauro Nüske, afirmou que o SAPS é o maior evento de pesquisa da Setrem. E, no ano do centenário da instituição, novamente enfatiza a importância da pesquisa no contexto educacional, desde a Educação Básica até o Ensino Superior.

    Devido ao valor da pesquisa científica, a Setrem, ao longo de sua história, realizou diversos investimentos em educação para o fortalecimento do ensino. Um dos resultados desta busca é a parceria com a Zoom Education, de São Paulo, líder no segmento da educação tecnológica do Brasil desde 1996.

    “A pesquisa é importante para o desenvolvimento da educação e da região. Valorizamos quem se dedica a buscar conhecimento de forma científica, utilizando a ciência para melhorar o mundo em que vive. Por isso, trouxemos o CEO da Zoom, empresa parceira da Setrem há 18 anos, para conversar conosco na abertura deste evento tão importante”, destacou.

    Rafael iniciou a palestra evidenciando a volatilidade com que as coisas acontecem e viralizam, principalmente devido ao impacto das tecnologias. “Vivemos a era da inteligência, em que tudo ocorre de maneira interligada, com grande intensidade, assim como a quantidade de informações geradas.”

    E a geração Alpha, que compreende crianças nascidas a partir de 2010 e que ainda nascerão até 2025, representa a primeira geração que surge imersa em tecnologias digitais mais avançadas. “Atualmente, nas escolas, está sendo preparada esta nova geração, para que seja protagonista, construindo o mundo de amanhã, e que não seja apenas espectadora. Logo mais, a geração Alpha estará no mercado de trabalho. Por crescer e se desenvolver em um meio totalmente digital, em que conhecimentos e informações são apresentados de forma instantânea, terá oportunidades em profissões que ainda nem existem ou que são novas”, disse.

    Ele cita engenharia automotiva de veículos autônomos, engenharia de cibersegurança, engenharia de aplicativos e de softwares, bem como áreas de digital influencer, controle da informação, gestão de crise, interação homem-máquina, sustentabilidade, descarte, energias renováveis e produção de alimentos, ou seja, carreiras conectadas com o universo dos integrantes desta geração.

    “E além de uma discussão de carreiras, precisamos atentar para habilidades importantes que serão procuradas nos novos talentos. Conforme o Fórum Econômico Mundial de 2019, algumas delas são pensamento analítico e inovador; aprendizagem ativa; solução de problemas complexos; pensamento crítico; criatividade, originalidade e iniciativa; liderança e influência social e letramento digital. E, independentemente da área e da carreira, estas são habilidade indispensáveis que desenvolvemos no nosso dia a dia. É fundamental ter um olhar diferenciado e curiosidade de aprender”, salientou Rafael.

    Ao finalizar a palestra, o CEO da Zoom mencionou a frase de William James: ‘A maior descoberta de minha geração é que qualquer ser humano pode mudar de vida, mudando de atitude’. Após a palestra, Rafael desafiou os participantes a um quiz, que rendeu prêmios aos primeiros colocados.

    ‘A tecnologia é um meio e não um fim’
    “A tecnologia é a ferramenta que ajuda os profissionais a superarem seus desafios. Mas por mais que se tenha uma série de tecnologias que facilitam nosso dia a dia, ela é um meio e não um fim. O celular, por exemplo, faz parte do nosso dia a dia, mas no início já foi algo disruptivo. Existe uma próxima onda de tecnologia, porque é inerente ao ser humano buscar mais conforto, praticidade e eficiência, então estamos sempre em constante transformação”, comentou o palestrante.

    Para ele, a fim de gerar transformação, é necessária criatividade, habilidade intrínseca ao ser humano, e não da máquina. “Então, por mais que se tenham ferramentas que substituam algumas funções, a sociedade se assenta e surge espaço para uma nova onda tecnológica.”

    Rafael, que esteve na Setrem pela primeira vez, ressaltou que a Zoom Education é uma empresa que desenvolve soluções de aprendizagem inovadoras e conta com mais de 26 anos, com atuação nacional, atendendo em torno de 500 escolas com um programa educacional que desperta o olhar para as habilidades dos alunos.

    “A educação está mudando muito e a Zoom inova no processo de gerar experiências às escolas e gerar encantamento pela vida para os alunos, instigando-os para eles sejam construtores do amanhã. E nesta integração do físico com o digital, inovamos no ferramental tecnológico aos alunos. E a Setrem, nossa parceira há 18 anos, tem este olhar diferenciado de trazer boas práticas no processo educacional”, declarou.

    Incentivo à socialização e publicação de pesquisas
    O Salão de Pesquisa Setrem (SAPS) é um evento tradicional, realizado todos os anos para promover, estimular e incentivar o desenvolvimento, a socialização e a publicação de produções científicas.

    Conforme a coordenadora do SAPS 2022, Gabriele Krause, incentivar a pesquisa é incentivar os estudantes a buscarem soluções e pensarem por si próprios. “É evidente a importância de se fazer pesquisa nos dias atuais, pois é somente através dela que possibilitamos soluções e novas ideias para problemas que ocorrem no nosso dia a dia”, destaca.

    Na edição de 2022 foram inscritos 294 trabalhos de pesquisa, entre os eventos agregados (21ª Jornada de Pesquisa, 24º Salão de Iniciação Científica, 22ª Mostra Estadual de Pesquisa da Educação Profissional e 22ª Mostra Estadual de Pesquisa da Educação Básica).

    “É nítido o crescimento dos estudantes ao decorrer dos anos de SAPS. O desenvolvimento de suas pesquisas e a evolução dos seus pensamentos e ideias, é muito gratificante vê-los apresentando seus trabalhos e mostrando aquilo que executam dentro dos seus cursos. De fato, é um momento enriquecedor para todos e que fará muita diferença na vida profissional de cada um dos alunos que se desafia a participar”, completa Gabriele.

    Fonte: Ascom Setrem