Setrem tem projeto selecionado para a Mostratec 2021

    O projeto de uma startup de aplicativos de segurança, desenvolvido por estudantes do Curso Técnico em Informática da Setrem, foi selecionado para representar a Rede Sinodal de Educação na Mostratec 2021, a maior feira de ciência e tecnologia da América Latina, que ocorre em outubro.

    A escolha se deve pelo fato da ideia conquistar o 2º lugar no 11º Fórum de Iniciação Técnico-Científico da Rede Sinodal de Educação, realizado na quarta-feira, 22 de setembro. O evento aconteceu na modalidade on-line e foi organizado pelo Colégio Evangélico Panambi.

    Denominada de PopCop (Place Of Police e Centro de Operação Policial), a startup desenvolveu o aplicativo que busca ser um uma ferramenta de segurança para denunciar assaltos, assédios, abusos e violências, aproximando cidadãos da polícia. A ideia foi desenvolvida pelos estudantes Fernanda Thaís Wammes, Júlia Luísa Schmidt, Rodaika Laís Ely Redel e Tiago dos Santos Dalri, orientados pelo professor Edinei Steffen.

    Conforme os estudantes, a startup consiste em um aplicativo voltado para a segurança pública. Por meio de botões, a vítima define sua situação e pela sua localização pode-se saber onde está. Os dados cadastrados das vítimas são enviados para um segundo aplicativo chamado PopCopPolicia e armazenados em um banco de dados da Google (firebase) para futuras necessidades. O objetivo do app é fornecer maior segurança para a sociedade, auxiliando de uma maneira rápida, fácil e tecnológica.
    
    “Estamos todos muito felizes com a conquista. Foi um trabalho desenvolvido ao longo de um semestre, durante a pandemia, mas com muita dedicação dos estudantes e também dos professores do curso. Isso reafirma a importância de trabalhar com projetos interdisciplinares, que dialogam com situações-problema da vida real dos estudantes e da área de TI. Com isso, destaca-se também a importância do Curso Técnico em Informática na região, que oportuniza conhecimentos e experiências para os jovens, permitindo vivenciar diversas situações e possibilidades de ingresso rápido no mundo do trabalho”, destaca a coordenadora do CTI, Janaína Poersch.

    Além do PopCop, outro projeto da Setrem foi destaque no Fórum da Rede Sinodal. A proposta da Revista Bizzu, desenvolvida no Curso Técnico em Comunicação Visual, conquistou o 3º lugar. Ela foi criada pelos estudantes Dionei Delcio Hettwer Bender, Iruan Franck da Silva, Isabel Cristina Collet e Lucas Rodrigues de Lima, orientados pelo professor Evandro Luis Bronstrup.

    O objetivo da Revista Bizzu é ser um meio de comunicação para profissionais da área de comunicação visual, apresentando entrevistas com profissionais e explorando as opções de mercado existentes.

    “Os estudantes mostraram-se imensamente orgulhosos com o resultado atingido no Fórum e a experiência de participação em um evento científico é muito significativa para o desenvolvimento deles. Ter esse reconhecimento do esforço aplicado durante todo o semestre é gratificante”, comemora a coordenadora do CTCV, Vanessa Schneider. 
 
    Fonte: Ascom Setrem