Covid-19: após diminuição de atendimentos ambulatoriais, colaboração da comunidade durante o feriado será determinante

    A chegada do feriado de Páscoa acende um alerta: a necessidade de manter as medidas de proteção contra o coronavírus, evitando, principalmente, as aglomerações. Após duas semanas de redução no número de atendimentos ambulatoriais, a Unidade Covid do Hospital Vida & Saúde volta a apresentar índices um pouco mais animadores.

    Desde a segunda quinzena de março, a média diária de atendimentos ambulatoriais caiu para 20. Há cerca de um mês, a unidade chegou a registrar mais de cem atendimentos em um único dia. No mês de fevereiro, a média de atendimentos ambulatoriais foi de 59.

    Apesar da melhoria ainda tímida, os profissionais temem que o feriado seja de aglomerações - a exemplo do Carnaval - o que pode refletir em novo aumento de atendimentos nas próximas semanas. "Os meses de fevereiro e de março foram muito difíceis. Foi o momento em que tivemos o maior índice de internações e de atendimentos e que chegamos ao limite da exaustão, destaca a infectologista, Katia Della Pasqua Baltieri.

    Com esse cenário, os profissionais da unidade reforçam a necessidade de manter os cuidados, deixando um apelo à comunidade, para que evite aglomerações e mantenha os protocolos de higienização das mãos, uso da máscara e distanciamento social.

    Fonte: Jéssica Ribeiro | Assessora de Comunicação Hospital Vida & Saúde