Setrem e RGE firmam parceria para geração de energia solar e troca de lâmpadas

    As ações de eficiência energética no câmpus Setrem serão implementadas com o aporte financeiro total de aproximadamente R$ 1,4 milhão, sendo R$ 980 mil por parte da RGE e R$ 450 mil de contrapartida da Setrem. As execuções ocorrerão ao longo de 2021, sendo neste período trocadas 3.131 lâmpadas menos eficientes por lâmpadas com tecnologia LED (Light Emitting Diode) em todas os prédios, além da instalação de dois sistemas de geração distribuída, estimando uma produção total de 155,52 kWp em energia solar para a instituição.

    Um dos principais benefícios é a economia de energia elétrica. Com as novas instalações, a projeção é que sejam economizados 343,23 MWh/ano e uma redução de 12,09 kW de demanda no horário de ponta, suficiente para abastecer 145 residências, considerando o consumo médio de uma família na área de concessão da RGE.

    Outro benefício importante é o impacto ambiental, pois a ação de eficiência energética que será implementada também equivale ao plantio de 184 árvores, reduzindo a emissão de dióxido de carbono (CO²) em 25,75 toneladas.

    A parceria entre a Setrem e a distribuidora se deu através de um projeto aprovado na Chamada Pública de Projetos da RGE de 2020. "É importante destacar e parabenizar o comprometimento da Setrem com o meio ambiente e com o consumo consciente de energia elétrica em suas instalações. O interesse e participação da instituição, aliado à uma consistente proposta de projeto apresentada na Chamada Pública de Projetos, tornou possível o início de uma ação transformadora para comunidade de Três de Maio", comenta o analista de Projetos de Eficiência Energética da RGE, Eder Hoffmann.

    Além da RGE, a Setrem também contou com uma parceria da empresa DSA Engenharia, responsável pela elaboração dos projetos de Eficiência Energética bem como o auxílio na submissão do projeto na Chamada Pública. Foram elaborados três cenários diferentes para identificar o que melhor pudesse atender a demanda da instituição.

    “Estamos muito satisfeitos e agradecidos, com uma expectativa positiva para a sequência deste projeto que trará economia e eficiência na gestão energética da Setrem”, destaca o diretor-geral da Setrem, Sandro Ergang. Este investimento representará uma economia financeira de 59% no consumo de energia, de acordo com o projeto de Eficiência Energética.

    Fonte: Assessoria de Imprensa RGE / ASCOM Setrem