Ensino Médio Setrem tem o melhor Ideb da região Noroeste do RS

Índice de Desenvolvimento da Educação Básica é calculado através da taxa de rendimento escolar e as médias de desempenho nos exames aplicados pelo Inep

 

                O Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb) de 2017 obtido pelo Ensino Médio da Setrem colocou a Instituição como a melhor dentre todas as escolas públicas e privadas da região Noroeste do Rio Grande do Sul (RS) e a 7ª melhor de todo o Estado, que contempla um total de mais de 1 mil escolas. O Ideb 6,9 conquistado pela Setrem é o 3º melhor do RS, sendo o maior Ideb 7,2 (alcançado por duas escolas) e o segundo maior Ideb 7 (alcançado por quatro escolas).

Sete entre as 10 maiores médias do Ideb pertencem a escolas da Rede Sinodal. O Ideb é calculado a partir dos dados sobre a taxa de rendimento escolar (aprovação) obtidos no Censo Escolar realizado todos os anos, e a partir das médias de desempenho nas avaliações do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), neste caso o Sistema de Avaliação da Educação Básica (Saeb).

 

Dados segmentados

Outras importantes informações podem ser visualizadas nos índices disponibilizados pelo Inep. Se avaliado apenas o desempenho na prova do Saeb, que envolve os componentes de Matemática e Língua Portuguesa, o índice de 7,42 do Ensino Médio da Setrem o coloca como o 3º melhor de todo o RS. Se levado em conta apenas o desempenho individual na Matemática, a Setrem ocupa o 2º lugar no RS.

O resultado também é significativo em nível nacional. Dentre 19,6 mil escolas de todo o Brasil, o Ideb da Setrem a coloca como a 95ª melhor do país. Segmentando os índices, ao levar-se em conta apenas o desempenho na prova do Saeb, a instituição ocupa a 44ª posição. Na Matemática, o desempenho coloca a Setrem como a 34ª melhor do Brasil. 

 

Resultado valorizado

Para o diretor-geral da Setrem, Sandro Ergang, o resultado valoriza ainda mais a qualidade prezada pela Setrem em seu ensino, e evidencia o perfil da Instituição, cujo desempenho obtido no Enem em 2017 já havia a colocado como a 6ª melhor do RS. "Estes alunos que participaram do Saeb fazem parte de turmas cuja grande parte iniciou sua caminhada junta, desde a Educação Infantil. Isso também ressalta a qualidade do trabalho desempenhado pela equipe de coordenadores, professores e colaboradores. Precisamos evidenciar, ainda, que a Educação Básica representa o momento mais importante do encaminhamento do aluno para a vida pessoal e profissional", destaca Ergang.

Quem complementa é a coordenadora interina da Educação Básica, Ana Leite: "Estes resultados celebrados ano após ano certificam o acerto da Instituição em oferecer infraestrutura e professores qualificados, e em agregar processos pedagógicos e metodologias de ensino que realmente contribuam para o crescimento técnico e pessoal de cada aluno. São várias questões que os acompanham durante a vida de estudante, como aulas em múltiplos espaços, robótica, simulados, orientação profissional, viagens de estudos, proficiências em línguas estrangeiras, intercâmbios, atividades extraclasse, metodologias MindLab, Mente Inovadora e MindZup e plataforma MISSU. E temos, ainda, o projeto iniciado em 2018 de transformação da Setrem em Escola de Intensificação Bilíngue", ressalta Ana.

 

Projeção é de crescimento do índice

De acordo com os indicadores obtidos ano após ano no Ideb, a projeção do próprio Inep é que em 2019 a Setrem alcance índices ainda maiores do que os de 2017. Em comparação com a projeção das demais instituições, isso colocaria a Setrem ainda melhor ranqueada no RS, mantendo-se como a melhor da região Noroeste. "Esta projeção vai ao encontro do processo de melhoria contínua que realizamos na Setrem", conclui Ergang.

 

Assessoria de Comunicação SETREM